Oculta na Copa América, Mastercard é patrocinadora de lives da MPB

Anunciante, cuja marca já estampou vários shows, decidiu não aparecer durante o torneio de futebol no Brasil

Publicado em 10/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Mastercard, marca que comunicou esta semana que não vai acionar seus patrocínios junto à Conmebol e exibir sua marca durante a Copa América de futebol, garantiu desde o início da pandemia uma série de lives com shows de música popular brasileira.

Na live mais recente, em 22 de maio, a marca promoveu um belo encontro musical entre Alcione e Criolo, quando cantaram clássicos do samba. O show foi transmitido no canal do YouTube da Mastercard Brasil e no Multishow. Os resultados foram de mais de um milhão de espectadores no canal da TV por assinatura e 124 mil views no canal da marca no YouTube. O show pode ser visto aqui.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os eventos musicais estão ligados a um projeto da Mastercard, o movimento “Faça parte: comece o que não tem preço”, que doou o equivalente a mais de cinco milhões de refeições via organizações não governamentais para comunidades carentes em combate à fome e à pobreza. As doações foram direcionadas para a ONG Ação da Cidadania.

O projeto teve início no ano passado, e a Mastercard promoveu três lives: Gilberto Gil e Iza em junho; Milton Nascimento, Liniker e Xenia França, em julho, aqui; Elza Soares, Agnes Nunes e Seu Jorge, em setembro, aqui.

O encontro recente entre Alcione e Criolo foi pensado por Zé Ricardo, curador artístico do palco Sunset do Rock in Rio, e teve Cassius Cordeiro como Diretor Cinematográfico.

Copa América

A Mastercard, que assinou um contrato de longo prazo com a Conmebol, optou por não ter sua marca estampada na Copa América, o torneio de futebol que reúne dez seleções do continente. A competição foi marcada para acontecer no Brasil após a recusa de países como Colômbia e Argentina.

O evento está cercado de polêmica por ser agendado enquanto o País ainda enfrenta altos índices de mortalidade na pandemia, enquanto a vacinação segue lentamente. Jogadores da equipe do Brasil divulgaram em suas redes sociais um texto em que dizem que embora sejam contra a realização da Copa América, nunca dirão não à Seleção Brasileira de Futebol. Na TV aberta, o torneio será exibido pelo SBT e os patrocinadores até aqui são as marcas Kwai e Bitfair.

Após análise criteriosa, decidimos por não ativar nosso patrocínio à Copa América no Brasil” diz o comunicado oficial da Mastercard sobre a decisão enviada a esta coluna. Desta forma, a logomarca do anunciante não está associada ao evento, não sendo estampada em mais nenhuma peça de publicidade e de marketing relativa à Copa América deste ano.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio