Mercado espera crescimento menor da Netflix

Balanço sai na terça, 20, e expectativa é por um acréscimo de um milhão de novos assinantes no mundo

Publicado em 19/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta terça-feira, 20, a Netflix divulgará aos acionistas o seu balanço financeiro referente ao segundo trimestre deste ano e os analistas de mercado projetam que a gigante do streaming seguirá com desaceleração do crescimento de assinantes.

São esperados um milhão de novos clientes. Para se ter uma ideia da queda do ritmo, no mesmo período de 2020 dez milhões de novos assinantes ao redor do mundo tinham contratado a plataforma.  

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em todo o ano de 2020, um ano de crise marcada pela pandemia da Covid19, a Netflix cresceu em mais de 37 milhões de pagantes. No primeiro trimestre deste ano, a empresa ganhou quase quatro milhões de clientes. Em 2020, tinham sido 16 milhões apenas nos três primeiros meses do ano.

A Netflix soma atualmente 208 milhões de assinantes globalmente. As empresas de streaming internacionais não são obrigadas a divulgar o número de clientes no Brasil e os balanços não costumam detalhar a distribuição dos assinantes por países.

Porém, por aqui, a indústria considera que o maior player do streaming seja a Netflix, a mais antiga. A Globo também não revela os números de clientes assinantes do seu serviço de streaming Globoplay.

Ampla concorrência

A expectativa de um crescimento menor da Netflix– que não significa, de forma alguma, queda nos lucros — tem explicação: a concorrência na já gigante indústria do streaming só cresceu e tende a aumentar.

Disney+, Amazon Prime Video, HBO Max são as grandes rivais e continuaram se movimentando bastante.

A Netflix já fez acordo para produções de Steven Spielberg, mas espera-se que nos próximos anos os investimentos também sejam direcionados para outras áreas do universo digital, como podcasts e videogames.

Da apresentação desta terça-feira da Netflix, participarão o-CEO Reed Hastings e o co-CEO e diretor de conteúdo, Ted Sarandos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio