Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
SAUDOSA

Você sabia? Médica Simone de O Clone, atriz morreu sem realizar sonho relacionado a seu pai

Françoise Forton faleceu em janeiro deste ano e pode ser assistida na trama reprisada

Publicado em 24/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Françoise Forton morreu dia 16 de janeiro de 2022, no Rio de Janeiro, aos 64 anos. A atriz lutava contra um câncer e estava internada há quatro meses.

A veterana nasceu no Rio de Janeiro no dia 8 de julho de 1957. O pai da atriz era francês e a mãe, brasileira. Sua estreia nas telinhas aconteceu ainda adolescente, em 1969, na novela A Última Valsa.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Em mais de 50 anos de carreira, a veterana atuou em dezenas de novelas, entre elas Estúpido Cupido (1976), Bebê a Bordo (1988), Tieta (1989), Meu Bem, Meu Mal (1990), Perigosas Peruas (1992), Explode Coração (1995) e I love Paraisópolis (2015).

Não realizou sonho

Em 2019, Françoise Forton revelou um fato triste de sua vida. Durante o Encontro com Fátima Bernardes, a artista contou que não teve a oportunidade de ter contato com os familiares paternos.

“Não conheço ninguém da família do meu pai. Tenho uma foto do meu pai e uma história de minha mãe. Mas nunca tive nenhum contato e o maior sonho é conhecer alguém da família do meu pai”, declarou.

Françoise continuou, assumindo um trauma. “Isso me faz falta. O Dia dos Pais, até hoje, é um dia em que fico muito triste. É difícil”, lamentou a atriz, que acaba de entrar no ar na Globo novamente na novela O Clone, exibida no Vale a Pena Ver de Novo.

Françoise Forton no Encontro (Reprodução/TV Globo)

Simone provoca reviravolta em O Clone

Na novela O Clone, Françoise Forton interpreta a médica geneticista Simone, que foi aluna de Albieri (Juca de Oliveira) e depois passou a integrar a equipe do cientista.

Enviada para o exterior para não descobrir a clonagem que Albieri fez de Lucas (Murilo Benício), Simone retorna agora e descobre tudo. Ela então fica em choque e com medo que a culpa recaia sobre ela mesma, uma vez que foi ela quem fez a inseminação.

Edna (Nívea Maria) até tentará fazê-la mudar de ideia, mas a especialista se mostrará irredutível.

A denúncia ocorre, Albieri é chamado para depor frente ao Conselho de Ética, entretanto, a história muda de figura quando o presidente do órgão se mostra amedrontado diante do escândalo.

O cientista crê que uma notícia assim possa interferir em sua reeleição à presidência. Desse modo, prefere arquivar o processo. Todos ficam surpresos com a decisão.

Simone (Françoise Forton) e Albieri (Juca de Oliveira) em O Clone (Reprodução)

Não deixe de conferir também: Quem diria? Reviravolta de Edna no final de O Clone é surpreendente

Leia outros textos desta colunista.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....