Filmes e séries

NOVA TEMPORADA

JÁ DISPONÍVEL

EM 1990

Que personagem Marcos Caruso viveu na versão antiga de Pantanal? Relembre

Veterano tem hoje 70 anos de idade e continua trabalhando muito

Publicado em 07/04/2022

A Globo apresenta em seu horário nobre hoje o remake de Pantanal, novela originalmente escrita por Benedito Ruy Barbosa e exibida em 1990 na Rede Manchete.

Marcos Caruso foi um dos atores que compuseram o elenco da primeira versão de Pantanal. À época das gravações tinha 40 anos de idade. No último mês de fevereiro de 2022, o veterano completou 70 anos idade, ainda com a carreira a todo o vapor.

Atualmente, Caruso está no elenco de Quanto Mais Vida, Melhor!, novela da faixa das 19h. Antes desta, esteve em O Sétimo Guardião e Pega Pega.

Marcos Caruso caracterizado para Quanto Mais Vida, Melhor! (Divulgação)
Marcos Caruso caracterizado para Quanto Mais Vida, Melhor! (Divulgação)

Personagem de Marcos Caruso em Pantanal

Na Pantanal de 1990, Marcos Caruso representou o peão Tião, um dos homens de confiança de Joventino (Irandhir Santos) e José Leôncio (Renato Góes).

Na trama atual, adaptada por Bruno Luperi, Tião é interpretado pelo ator Fábio Neppo, conhecido por seu papel na novela Cheias de Charme.

Marcos Caruso deu vida a Tião em Pantanal de 1990
Marcos Caruso deu vida a Tião em Pantanal de 1990

Lembrando que Tião tem a companhia de Quim na história escrita por Benedito Ruy Barbosa e também na adaptada por Bruno Lupri.

Em 1990, quem viveu peão Quim foi o ator aposentado Ewerton de Castro, que hoje tem 76 anos de idade. No remake exibido agora na Globo o personagem é feito por Chico Teixeira, filho do músico Renato Teixeira, que aliás tem outra filha no elenco, Isabel Teixeira, que dá vida a Maria Bruaca.

Tião (Fábio Neppo), José Leôncio (Renato Góes) e Quim (Chico Teixeira) no remake de Pantanal
Tião (Fábio Neppo), José Leôncio (Renato Góes) e Quim (Chico Teixeira) no remake de Pantanal (Divulgação / Globo)

Quim e Tião estarão na segunda fase de Pantanal?

De acordo com a novela exibida em 1990, Quim e Tião serão dispensador por José Leôncio no final da primeira fase da novela. Ainda não se sabe se o remake adotará a mesma história.

No lugar, Benedito Ruy Barbosa incluiu Tibério (Sérgio Reis) e Trindade (Almir Sater) na versão antiga. Os mesmos personagens estão presentes no remake, vividos respectivamente por Guito e Gabriel Sater. O que resta é esperar se os dois novos peões vão substituir Quim e Tião.

Leia outros textos desta colunista.

© 2023 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade