Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
LANA RHODES

Fim cruel: esposa de Solano López enterra o marido em Nos Tempos do Imperador

Casal histórico é retratado na novela das seis, que termina esta semana

Publicado em 29/01/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A esposa de Solano López acabou ganhando um destaque não esperado em Nos Tempos do Imperador. Vivida por Lana Rhodes, a irlandesa Elisa Lynch tem atuação importante na Guerra do Paraguai.

Na última semana, ela também apareceu bastante, principalmente quando percebeu que o marido estava arrastando suas asas para Pilar (Gabriela Medvedovski) até que o pegou no flagra dando em cima da médica.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

O inescrupuloso presidente do Paraguai chega a dar um tapa na mulher de Samuel (Michel Gomes) para tentar enganar Elisa, que percebeu na hora que o marido estava assediando a moça. Sensata, a primeira-dama livra Pilar das garras do político.

Essa face de Elisa Lynch mostrada em Nos Tempos do Imperador tende a ser verdadeira, conforme indicam os registros históricos. Trazida para a América Latina pelo próprio Solano López, ela era conhecida por ser uma mulher moderna e atualizada, adepta das táticas de guerra.

Por isso também que o folhetim dá destaque à personagem. Na vida real, ela foi uma forte apoiadora do marido na hora de decidir entrar em Guerra com o Uruguai e, consequentemente, com o Brasil.

Lana Rhodes e Roberto Birindelli interpretam Elisa Lynch e Solano López [foto real ao lado] em Nos Tempos do Imperador (Reprodução)

Muitas fontes históricas garantem que Elisa era uma mulher de opinião forte e imponente, e no contexto da Guerra do Paraguai, foi a responsável por todos os saques de altos valores realizados em terras oponentes. Isso é algo que Nos Tempos do Imperador não exibe.

Outros historiadores, geralmente paraguaios, revelam que a sociedade da época tinha uma espécie de gratidão à primeira-dama, sobretudo por ser uma pessoa caridosa e que liderava ações para ajudar as vítimas dos combates. Para muitos paraguaios Elisa Lynch é considerada heroína nacional.

Elisa cava a sepultura de Solano López

O lado mais sensível da esposa de Solano López é transmitido em muitos momentos nas cenas da novela das seis. Aliás, na última semana, Elisa demonstrou seu amor pelo marido ditador ao ver os combates se acirrando.

Elisa Lynch (Lana Rhodes) e Solano López (Roberto Birindelli) em Nos Tempos do Imperador (Divulgação)

“Em pouco tempo, estaremos cercados por todos os lados! E eles estão em número muito maior! Quero continuar viva! Com você vivo também! Faça isso por nós!”, suplicou a primeira-dama.

Apesar do pedido, Nos Tempos do Imperador deve exibir a morte do Ditador paraguaio nesta última semana – a novela termina dia 4 de fevereiro.

Para quem não sabe, o general foi morto ao final da Guerra do Paraguai, em 1970, após ser perseguido e capturado pelas tropas brasileiras. Um dos filhos do casal, que também foi para o front, morreu juntamente com o pai.

Na História verídica, Elisa foi quem cavou a sepultura do marido e do filho com a ajuda de sua filha caçula, que ainda era pequena. Com o ar dramático de tal cena, ela deve compor os capítulos finais de Nos Tempos do Imperador.

Nos Tempos do Imperador: além de Luísa Margarida, quem mais era amante de Pedro II?

Leia outros textos AQUI.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....