Cauã Reymond se inspirou em drama da mãe para protagonizar Um Lugar ao Sol: “Faleceu logo depois”

Ator interpreta Christian e Renato na atual novela das nove da Globo

Publicado em 10/01/2022 20:25
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para viver os gêmeos Christian e Christofer – que logo se tornou Renato – em Um Lugar ao Sol, Cauã Reymond precisou ir além do talento. Coincidentemente, o ator teve mais de uma inspiração dentro de seu próprio núcleo familiar.

Sua mãe, Denise Reymond, falecida em 2019 após lutar contra um câncer, assim como seu personagem Christofer / Renato, também foi adotada. E assim como o outro irmão gêmeo que interpreta, Christian, foi para famílias diversas, mas diferentemente dele, encontrou uma mãe adotiva.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O drama vivenciado pela mãe surgiu na cabeça de Cauã no processo de construção do personagem e até o ajudou. “Eu e meu irmão (Pável Reymond, de 33 anos, e que é seu dublê na novela) sempre soubemos que nossa mãe era adotada, isso nunca foi um tabu pra gente em casa”, explica Cauã em entrevista ao jornal Extra.

O ator revela como a mãe descobriu o passado. “Meu irmão morava com ela quando ela reencontrou a família biológica, e me contou que nossa mãe tinha sido entregue de mão em mão, até chegar à minha avó, que quis ficar com ela quando bebê. Aí descobri que a irmã da minha mãe tinha morrido de desnutrição“, conta Reymond.

“Minha mãe está vendo”

Além da história surpreendente de Denise, Cauã cita outro fato familiar que se assemelha aos seus papéis na trama de Lícia Manzo. “E tem a história de o meu pai também ser gêmeo, o irmão dele morreu no parto. O drama da minha mãe foi uma coincidência que ajudou na construção do personagem, mas não foi um sentimento que eu vivenciei“, assume o artista.

Infelizmente, a mãe do ator não pode ver o filho dando um show ao interpretar os gêmeos, surpreendendo o público desde o primeiro episódio do folhetim. “Ela faleceu logo depois de eu ter conversado com o Silvio [de Abreu, que lhe falou dos personagens em primeira mão], não soube desse trabalho. Mas tenho certeza de que em algum lugar minha mãe está vendo, feliz por eu e meu irmão estarmos tão próximos, trabalhando juntos. Gosto de acreditar nisso“, reflete Cauã.

Filho de Noca, Jerônimo chega em Um Lugar ao Sol em cena angustiante

Leia outros textos da colunista AQUI.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio