Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Concorrência

É HOJE! Contra Pantanal, SBT lançará ou não uma nova “arma secreta”?

Releitura da obra de Benedito Ruy Barbosa estreia nesta segunda (28), na Globo

Publicado em 28/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Quando o ponteiro do seu relógio marcar 21h30 nesta segunda-feira (28), se você estiver sintonizado na Globo, continue nela e veja Pantanal, uma releitura da obra de Benedito Ruy Barbosa produzida pela Rede Manchete em 1990. Maior orçamento do ano no campo de teledramaturgia, a superprodução não enfrentará nenhuma “arma secreta” elaborada por Silvio Santos, como no passado.

Pantanal, que já foi “carta na manga” do SBT contra o fenômeno A Favorita (Globo), em 2008, desta vez disputará público apenas a novela bíblica Reis, da Record TV, único produto inédito no horário, já que Poliana Moça terminará antes e a aposta do SBT na mesma faixa continuará sendo Carinha de Anjo.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Com Pantanal, SBT fez a Globo e a Record de freguês

Logo de Pantanal desenvolvido para a reprise no SBT (Reprodução)

De surpresa, Pantanal ganhou o horário nobre do SBT há quase 15 anos, numa época em que a emissora disputava acirradamente o segundo lugar na audiência com a Record.

Levada ao ar na faixa das 22 horas, assim que terminasse a novela das 21h da Globo – na ocasião, A Favorita, o folhetim foi uma verdaderia explosão de audiência na grade de programação.

Semanas antes começaram a ser exibidas nos intervalos chamadas com pessoas respondendo a uma enquete a respeito da novela mais marcante de suas vidas. Entre as indicadas, diversas atrações da Globo, como Tieta e Que Rei Sou Eu?.

A divulgação falava ainda numa “arma secreta” do canal, que seria exibida em breve. Para despistar, citava também a novela Revelação, de Iris Abravanel, então em produção, como podendo ser a carta guardada por Silvio na manga.

Quando exibida no SBT, Pantanal já era da Globo

Em 9 de junho de 2008, foi revelado o segredo. A “arma secreta” do SBT não era outra senão Pantanal, arrematada num leilão da massa falida da Manchete. Os profissionais da produção foram convocados pela emissora a receberem valores referentes a seus direitos.

Contudo, Benedito Ruy Barbosa não gostou da iniciativa e pôs-se a mover um processo contra Silvio Santos. A própria Globo também se manifestou a respeito. Havia adquirido os direitos sobre a história e pretendia fazer uma nova versão na época.

SIGA ESTE COLUNISTA NAS REDES SOCIAIS: INSTAGRAM E TWITTER

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....