Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Curiosidade da TV

Madeleine na Pantanal original, Ingra Lyberato estrelou trama portuguesa que passou em branco no Brasil

A atriz estrelou Coração Navegador, exibida pela extinta TV JB

Publicado em 04/04/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Com o remake de Pantanal bombando no horário nobre da Globo, surgem muitas curiosidades na cabeça do público sobre a primeira versão da trama, produzida pela TV Manchete em 1990. Uma delas é quem interpretou Madeleine, vivida atualmente por Bruna Linzmeyer, na produção. Há 32 anos, o papel coube a Ingra Lyberato, jovem atriz que, em seguida, protagonizaria A História de Ana Raio e Zé Trovão.

De lá para cá, Ingra Lyberato fez diversas participações em produções da Globo, SBT e Record TV. Mas a atriz também participou de produções fora do país, como a minissérie Segredo, produzida através de uma parceria entre a Stopline Filmes (produtora portuguesa), Accorde Filmes (produtora brasileira) e RTP1. A trama foi gravada em 2004 no Brasil e exibida originalmente em Portugal entre 25 de setembro de 2004 e 9 de janeiro de 2005, em 28 episódios.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Na trama, o empresário português Pedro Soares Castro (Paulo Pires) vem ao Brasil investigar o assassinato de seu pai. Mas, ao chegar em terras brasileiras, ele se apaixona por Isabel (Ingra), a filha de se maior inimigo.

O que poucos se lembram é que Segredo chegou a ser exibida no Brasil. A trama, rebatizada como Coração Navegador, estreou por aqui em 2007, na inauguração da TV JB, emissora da Companhia Brasileira de Multimídia (CBM), do Jornal do Brasil. O canal, que teve vida curtíssima, arrendava o horário nobre da CNT, e ficou no ar entre abril e setembro de 2007.

Coração Navegador foi anunciada pela TV JB como uma novela em 60 capítulos. No entanto, após a exibição de 15 episódios, a produção começou a ser reprisada. E, após o repeteco, Coração Navegador saiu do ar, sem conclusão. Segundo matéria do jornal O Globo de 11 de junho de 2007, os detentores dos direitos da obra pediram mais dinheiro, e a emissora avaliou que não valia a pena o investimento, desistindo da produção.

Além de Coração Navegador, a TV JB também exibiu programas como o Telejornal do Brasil, apresentado por Bóris Casoy, e o talk show Por Excelência, comandado por Clodovil Hernandez.

Confira outros conteúdos da coluna e do colunista ou entre em contato

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....