Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Exclusivo

Veja o que as empresas podem aprender com o BBB 22

Muitos acreditam que o BBB é fútil e apenas algo para atrair os telespectadores, mas na realidade não é bem assim

Publicado em 27/01/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Um dos assuntos mais falados do momento é o reality show Big Brother Brasil. Conhecido popularmente como BBB, o programa tem uma das maiores audiências e ganha o coração dos brasileiros pelo entretenimento que oferece, mostrando a realidade de 20 pessoas convivendo juntas em uma casa, sem conexão com o mundo aqui fora e disputando por um prêmio de R$ 1,5 milhão.

Muitos acreditam que o BBB é fútil e apenas algo para atrair os telespectadores, mas na realidade não é bem assim. De acordo com Elcio Paulo Teixeira, CEO da Heach Recursos Humanos, o reality pode mostrar muitas coisas que diversos setores podem aprender com ele, até mesmo o que ele atua.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Tadeu Schimidt na casa do BBB 22 (Divulgação)

O programa foi muito bem planejado e por de trás de tudo que acontece com os participantes, existe uma equipe que pensou estrategicamente em cada momento do que acontece por lá, até mesmo a escolha dos papéis de parede e cores da casa”, conta o CEO.

Pensando nisso, Teixeira resolveu listar para a coluna sete coisas que as empresas podem aprender com o BBB:

Inteligência Emocional 

BBB 22 (Reprodução/TV Globo)

A inteligência emocional é essencial para qualquer negócio, para fazer escolhas certas, negociações, ter uma boa convivência, gerir conflitos, entre outros fatores. E dentro de um ambiente tão desafiador, como o Big Brother Brasil, esse quesito é testado o tempo todo, e isso é algo que acontece diariamente na vida das pessoas, inclusive nas empresas. Ou seja, assim como no programa, quem não consegue lidar com as suas emoções pode sofrer com consequências negativas.

Marketing pessoal 

Robô do BBB 22 (Reprodução)

Segundo o CEO, o nosso cérebro tende a se aproximar de pessoas agradáveis, que tenham discursos positivos e que sempre “vêem o lado cheio do copo”, e isso tudo reflete no marketing pessoal. Ou seja, uma pessoa que sabe se vender e usa isso a seu favor, que consegue trabalhar em equipe e pensar no coletivo, tanto dentro do programa, como no mercado de trabalho, acaba se destacando.

Perfis diferentes

Robôs do BBB 22 (Reprodução/TV Globo)

O BBB sempre tem entre seus participantes pessoas diferentes uma das outras, seja por questão de etnia, religião, orientação sexual, local de nascimento e outros pontos que o diferem. As empresas precisam entender que é importante ter uma variação de pessoas dentro do local de trabalho também, até mesmo para que haja diferentes pontos de vista dentro de um projeto que esteja sendo realizado. 

E essa soma de pessoas também faz com que o conhecimento aumente entre os colaboradores, sendo assim, pode transformar uma organização, fazendo com que ela seja referência em seus serviços.

Gestão de crise

BBB 22 (Reprodução)

No reality algo que vemos ser bastante comum são as brigas e desentendimentos entre os participantes e é possível perceber também que quando elas não são resolvidas de forma clara, mais confusões são geradas e isso pode prejudicar os envolvidos e toda a casa onde eles estão vivendo. 

Nas empresas, isso também pode acontecer, por isso, é importante que seja feita uma gestão de crise e que essas desavenças não sejam jogadas para “debaixo do tapete”. Assim, todos podem ter sua chance de se explicar e irão perceber que estão em um ambiente transparente, podendo dar continuidade em suas rotinas, sem se sentirem excluídos e incomodados.

Transparência sobre a personalidade

BBB 22 estreia no próximo dia 17 de janeiro (Reprodução)

O Big Brother está ali, 24 horas, nos 7 dias da semana, observando e mostrando cada passo e conversa sobre os participantes. Isso expõe sobre a forma que cada um é. Apesar de na vida real não termos câmeras o tempo todo, as redes sociais são uma boa forma de analisar cada pessoa. 

É interessante que as empresas utilizem essa ferramenta para conhecer mais sobre seus colaboradores e futuros contratados, entendendo a forma como eles pensam, suas capacitações, o que gostam e o que não gostam, e assim por diante. Mas é também importante ressaltar, que as empresas também saibam diferenciar a vida pessoal e profissional e ter a consciência de que eles poderão expor informações que não agregam e nem tem importância em sua carreira, dando a eles liberdade de expressão.

Convivência Social

Robô do BBB 22 (Reprodução/Globo)

Outro ponto importante que podemos aprender com o BBB, é que assim como no reality, pessoas que geram abusos verbais ou até mesmo físicos, que se tornam desagradáveis para o ambiente, também podem ser desligadas da empresa onde trabalham. Ou seja, é importante saber lidar com outras pessoas, ter paciência e empatia, para poder ter um bom convívio social. 

Perfis diferentes

Participantes do BBB 22 (Reprodução/TV Globo)

O BBB sempre tem entre seus participantes pessoas diferentes uma das outras, seja por questão de etnia, religião, orientação sexual, local de nascimento e outros pontos que o diferem. As empresas precisam entender que é importante ter uma variação de pessoas dentro do local de trabalho também, até mesmo para que haja diferentes pontos de vista dentro de um projeto que esteja sendo realizado. 

E essa soma de pessoas também faz com que o conhecimento aumente entre os colaboradores, sendo assim, pode transformar uma organização, fazendo com que ela seja referência em seus serviços.

BBB de cultura

Logotipo BBB (Divulgação)

Com essas dicas fica mais fácil aprender como um programa de televisão pode estar diretamente ligada nas realidades de corporações e como saber lidar com cada uma dessas situações.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....