Vaza o valor do cachê dos técnicos do The Voice Brasil

Globo paga 120 mil para cada artista do júri do programa apresentado por Tiago Leifert

Publicado em 24/10/2021 00:00
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Conforme antecipamos com exclusividade, André Marques assumirá a décima primeira temporada do The Voice Brasil que tem estreia prevista para o segundo semestre de 2022Já que Tiago Leifert decidiu não renovar o seu contrato com a toda poderosa.

A despedida de Leifert da TV Globo será antecipada para o mês de novembro. Devido a isso, André Marques ficará fixo na atração até o dia 23 de dezembro de 2021. Vale ressaltar que Leifert gravou apenas a fase de Audições às Cegas da décima temporada do reality que virou referência no mercado publicitário brasileiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Devido a essa informação, uma curiosidade paira no ar: Quanto a emissora carioca paga para o artista participar do júri fixo do reality musical?

Para desvendar esse segredo, a coluna foi atrás dessa informação e descobriu que cada jurado ganha algo em torno de 20 mil reais mensais durante seis meses.

Técnicos na nova temporada do The Voice Brasil (Foto Fabio Rocha TV Globo)

Além do cachê, a estrela ou astro que não tem contrato fixo com a Globo desfruta de todos os benefícios da empresa da família Marinho. O mesmo esquema acontece com o The Masked Singer Brasil e Dança dos Famosos.

Na linha de frente desta edição estão os técnicos Carlinhos Brown, Claudia Leitte, IZA e Lulu Santos. Cada um deles começa o reality com 18 vagas no time. Correndo por fora, pela primeira vez, um quinto técnico pode formar um grupo extra, com vozes que os demais deixarem escapar. Essa missão é de Michel Teló, pentacampeão do ‘The Voice Brasil’ – ou hexacampeão, se considerada sua vitória no ‘The Voice Kids’, este ano.

Apresentado por Tiago Leifert e por André Marques, com Jeniffer Nascimento na cobertura dos bastidores, o programa celebra suas dez edições fazendo ao público um convite para uma aventura emocionante e que promete reviravoltas surpreendentes do início ao fim. A direção artística é de Creso Eduardo Macedo e a direção de gênero de Boninho.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio