Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Exclusivo

Ser eliminado do BBB 22 é necessariamente ruim?

Reality de maior faturamento da rede do plim-plim entra em sua reta final

Publicado em 15/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A Cortex, empresa líder em inteligência de dados para as áreas de comunicação e marketing, divulgou a terceira edição do índice de popularidade dos participantes do Big Brother Brasil. Um dos destaques do estudo é o crescimento de relevância do Vyni após sua eliminação do programa, subindo mais de 30 pontos e se estabelecendo em segundo lugar no ranking.
 

Considerado um participante com baixo protagonismo durante o jogo, Vyni ganhou destaque após sua saída da casa mais vigiada do Brasil. Como um ‘efeito pós-paredão’, a participação do cearense em programas como Encontro com Fátima, Mais Você e Domingão fizeram com que sua audiência aumentasse, ganhando mais relevância para o público. Mas este não é o último motivo.
 

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Sucesso fora da casa

Vinícius, ex-participante do BBB 22 (Divulgação)

Para o Innovation & Offering Evangelist Director da Cortex, Claudio Bruno, a trajetória do Viny desde a entrada no programa até a eliminação, se assemelha à de uma marca que se prepara para fazer o lançamento de um novo produto.
 

Participantes do BBB 22 (Divulgação)

Ser eliminado do BBB nem sempre precisa ser visto como algo ruim. Dependendo da jornada do participante dentro da casa, sair pode se tornar algo positivo. O Vyni, embora não tenha sido um dos protagonistas da edição, conseguiu manter uma frequência de exposição durante a sua participação, seja pelos memes que gerou com seus tropeços ou por sua relação com Eliezer. No momento em que ele é eliminado, consegue mais engajamento para si, porque as pessoas se lembram de sua trajetória ao longo do programa e, consequentemente, retém atenção e relevância por mais tempo“, explica Claudio Bruno.
 

Jade Picon, nova contratada da TV Globo (Divulgação)

O especialista em dados e comunicação ainda exemplifica:Podemos traçar um paralelo, por exemplo, com uma marca que está se preparando para um lançamento: vários teasers são divulgados para fisgar a atenção, gerar curiosidade e ganhar espaço na memória do consumidor. Quando chega o momento do lançamento, a frequência criada com os teasers aumenta a relevância e a exposição daquela marca é potencializada. (…) Voltando ao caso do Vyni, basta saber se ele conseguirá aproveitar a relevância que ganhou com a frequência de exposição durante o programa no pós- BBB”, finaliza Bruno.

Sobre a Cortex 

A Cortex é pioneira e líder em inteligência de dados para comunicação estratégica e reputação. Com uma experiência simples, flexível e apoiada por especialistas, a plataforma parte de dados sobre exposição da marca para construir módulos de retorno das ações, comparação com concorrentes e reputação segmentada por assuntos estratégicos. A solução é a única capaz de monitorar tendências de mídia, bolhas de influência e mensurar, de forma objetiva, a contribuição da comunicação para os objetivos estratégicos do negócio.

Leia outras matérias desse colunista CLICANDO AQUI. 

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....