Exclusivo

Quem é Max? Personagem misterioso guarda o grande segredo de Guida em Travessia: “Não morreu!”

Pai de Rudá (Guilherme Cabral) voltará do mundo dos mortos para assombrar a esposa de Moretti (Rodrigo Lombardi)

Publicado em 08/12/2022

Nos próximos capítulos de Travessia, Guida (Alessandra Negrini) ficará em choque ao descobrir através de Helô (Giovanna Antonelli) que o pai de Rudá (Guilherme Cabral) não morreu e que ele está sendo procurado pela policia.

Lembrando que o criminoso guarda ‘segredos’ da irmã de Leonor (Vanessa Giácomo) que serão revelados no decorrer do folhetim global.

Max (ator ainda não foi escalado) é descrito na sinopse de Travessia como um homem bonito e sedutor. Mas nas entrelinhas fica claro que ele é um matador sanguinário e cruel. Vale salientar que o malandro será o responsável pela morte de Yone (Yohama Eshima). Mas tudo pode mudar. Já que Gloria Perez está mexendo na história. 

Trama modificada

De acordo com a sinopse original de Travessia, Oto (Romulo Estrela) se envolveria com Leonor (Vanessa Giácomo) antes de se apaixonar por Brisa (Lucy Alves)Já Caíque (Thiago Fragoso) teria um romance com Yone (Yohama Eshima). Mas tudo mudou.

Helô (Giovanna Antonelli) e Yone (Yohama Eshima) em Travessia
Helô Giovanna Antonelli e Yone Yohama Eshima em Travessia

Yone é uma investigadora que trabalha na delegacia de Helô. Divorciada, sem filhos e durona, ela sonha em viver um grande amor, mas se apaixona por Caíque, um homem assexuado. Assim como Caíque, Rudá, filho do primeiro casamento de Guida, também é assexuado. Rudá vai contar com a ajuda de Caíque no processo de descoberta dessa condição”, descreve Gloria Perez no documento entregue a Globo no início do ano. Sendo assim, a dramaturga modificou o enredo dos persongens para agradar a audiência.

Caíque (Thiago Fragoso) e Leonor (Vanessa Giácomo) em Travessia
Caíque Thiago Fragoso e Leonor Vanessa Giácomo em Travessia

Travessia é criada e escrita por Gloria Perez, com direção artística de Mauro Mendonça Filho, direção de Walter Carvalho, Andre Barros, Mariana Richard e Caio Campos. A produção é de Claudio Dager e Tatiana Poggi; e a direção de gênero é de José Luiz Villamarim. 

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade