Exclusivo

Com o rosto deformado, Leonel ressurge em Amor Perfeito para cavar a sepultura de Gilda e inocentar Marê

Novela de Duca Rachid terá o seu último episódio exibido no dia 22 de setembro

Publicado em 05/08/2023

Em cenas que estão previstas para irem ao ar na PRÓXIMA semana em Amor Perfeito, Júlio (Daniel Rangel) ficará PERTO de descobrir que Leonel (Paulo Gorgulho) forjou a própria morte com a ajuda de Hermínia (Adriana de Broux), ex-enfermeira da família Rubião. 

“(Júlio encara Herminia) Sei que a senhora conhecia o seo Leonel e a família dele. E que, no dia do crime, a senhora estava trabalhando no hospital, como enfermeira, junto com o seu sobrinho, Tadeu. Ele era o assistente do doutor Ítalo. A senhora se lembra desse dia? (Ela se esquiva) Por favor, dona Hermínia, não tenha medo, isso é muito importante, tente se lembrar: o seo Leonel não disse, ou não tentou dizer nada que pudesse indicar quem foi que atirou nele?”, indagará o advogado encarando a idosa. “Não, ele não disse nada. Ele chegou no hospital inconsciente e ficou assim até ir a óbito. Isso é tudo o que eu tenho pra lhe dizer”, pontuará Hermínia se ESQUIVANDO de Júlio.

Tá vivo! 

Após esse fato, Hermínia visitará o hóspede ILUSTRE em um dos QUARTOS de sua residência. “Herminia entra e vai servir um copo d’água a um homem que está sentado numa poltrona, tossindo muito. Vemos que ele usa uma prótese que cobre a metade do rosto no estilo Fantasma da Ópera. E agora vemos que o homem é LEONEL RUBIÃO, mirando Herminia com um olhar perdido”, descreve Duca Rachid em seu roteiro.

Júlio (Daniel Rangel) em Amor Perfeito
Júlio (Daniel Rangel) em Amor Perfeito

Amor Perfeito é criada e escrita por Duca Rachid e Júlio Fischer com direção artística de André Câmara. A obra é escrita com Elísio Lopes Jr, com a colaboração de Dora Castellar, Duba Elia e Mariani Ferreira. A direção é de Alexandre Macedo, Lúcio Tavares, Joana Antonaccio e Larissa Fernandes. A produção é de Isabel Ribeiro e a direção de gênero de José Luiz Villamarim. —