Novela das sete

Absurdo! Sol sofre assédio em Vai na Fé: “Seu vagabundo!”

Mocinha passará por apuros na trama de Rosane Svartman

Publicado em 15/01/2023

Em cenas que estão previstas para irem ao ar na próxima semana em Vai na Fé, Sol (Sheron Menezes) sofrerá assédio de um transeunte durante a venda de suas quentinhas.

“Bruna (Carla Cristina Cardoso) já passa o cartão da cliente. Sol está tirando uma quentinha do isopor, de costas, debruçada, ainda cantarolando a melodia de Nosso Sonho. Um passante dá um confere: ‘Tem de legume? Porque você tá um xuxuzinho!’”, descreve Rosane Svartman em seu texto.

Sem levar desaforo para casa, a mocinha peitará o pilantra que sairá de fininho. “E você é um banana, seu vagabundo! Ô prova, Deus do céu”, concluirá a esposa de Carlão (Che Moais) sendo perspicaz. 

Personagens dessa nota:

Solange, a Sol (Sheron Menezzes):

É uma mulher guerreira, moradora de Piedade, subúrbio do Rio de Janeiro. Ela vende quentinhas no Centro da Cidade. Acorda, todos os dias, sempre com disposição e acreditando que tudo vai dar certo. Casada com Carlão (Che Moais) e mãe de Jenifer (Bella Campos), de 18 anos, e Duda (Manu Estevão), de 12 anos, ela trabalha com a amiga de infância Bruna (Carla Cristina Cardoso).

Carlão (Che Moais):

Marido de Sol (Sheron Menezzes). Se apaixonou por ela assim que a viu pela primeira vez, cantando no coral da igreja. Carlão conquistou Sol com sua generosidade, dedicação e amor. Perdeu o emprego durante a pandemia. Antes paciente, ele se torna um homem irritadiço. Tenta retomar o trabalho de diversas formas até que encontra nos aplicativos de entrega de encomendas uma alternativa de rendimento.

Sheron Menezzes é Solange (Sol)
Sol Sheron Menezes em Vai na Fé

Criada e escrita por Rosane Svartman, com direção artística de Paulo Silvestrini, Vai na Fé tem direção geral de Cristiano Marques e a direção é de Isabella Teixeira, Juh Almeida, Augusto Lana e Matheus Senra. A obra é escrita com Mário Viana, Pedro Alvarenga, Renata Corrêa, Renata Sofia, Sabrina Rosa e Fabricio Santiago, e a pesquisa é de Paula Teixeira. A produção é de Mariana Pinheiro e a direção de gênero é de José Luiz Villamarim.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade