Deus Salve o Rei: Rodolfo é humilhado ao abrir o castelo para visitação dos súditos

Publicidade

Nos próximos capítulos de Deus Salve o Rei, em uma tentativa falha de conquistar os súditos de Montemor, Rodolfo (Johnny Massaro) irá abrir os portões do castelo para receber o público e mais uma vez será humilhado.

O rei ordena a abertura dos portões do castelo, Petrônio (Leandro Daniel) e Orlando (Daniel Warren) recebem o público e se apresentam como os guias da visita. “É sentado aqui que o rei Rodolfo, reunido com seus conselheiros – no caso, nós -, toma as medidas mais importantes do reino, em prol do povo de Montemor.”, diz Petrônio indicando o trono. Os visitantes começam a fazer perguntas embaraçosas e Orlando tenta contornar a situação. “Senhores, o tempo desta visitação é limitado. Por isso, é melhor evitar perguntas, para que não nos atrasemos.”

Veja também: Cássio renúncia ao cargo de comandante e conselheiro

Continua depois da publicidade

Assim que partem para mostrar o jardim, eles demoram a notar que os visitantes acabaram se espalhando. Rodolfo aparece de repente, se assusta ao ver que tem pessoas espalhadas por todo o castelo, inclusive na sala do conselho e pede para que seja encerrada a visita. “Eu só estarei bem quando essa gente estiver longe daqui! Até lá não vou pregar o olho.”, afirma Rodolfo.

Petrônio, Orlando e Cássio (Caio Blat) estão no quarto de Rodolfo e ele continua preocupado em saber se ainda há súditos nas dependências do castelo. “Bom, mas por hoje basta. Agora podem ir. Depois de tanto contato com o povo, eu mereço um bom descanso.” Todos saem e Rodolfo enfia-se sob os lençóis, deitando-se em sua cama. Ao virar-se ele dá de cara com um idoso, deitado ali. O homem lhe sorri, sem jeito. “Socorro! Tem um deles na minha cama! Cássio! Cássio!”, Rodolfo grita eufórico.

Veja também: Afonso discute com Amália e se nega a ir embora de Montemor

Já mais calmo, Rodolfo vem andando com Petrônio e Orlando. “Tem certeza que não há mais nenhum deles escondido aqui dentro?”, Rodolfo questiona seus conselheiros. “Os comentários ouvidos sobre o rei, durante a visita, foram os melhores. Estão encantados com a generosidade do único monarca que abriu as portas do castelo para o povo.”, afirma Orlando. Assim que chegam a sala do trono, eles param e ficam absolutamente em choque com o que veem. Próximo ao trono, há um jumento. Na cabeça do animal, uma coroa feita de lata.

Publicidade
© 2021 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade