Danrley reflete sobre realidade pós BBB19: “Vai ser tão louco”

Publicidade

Durante banho de piscina nesta quarta-feira (06) na área externa da casa do BBB19, Danrley fez reflexão sobre o pós reality. O brother destacou mudança de vida e falou sobre a demora do tempo passar no confinamento global. ‘Parece que nunca vai acabar’.

ConfiraCarolina fala sobre paredão falso: “Estão trollando muito a gente”

Antes disso, Hariany fez questionamento. “Vocês não têm saudades de fora não?”. “Sim, o tempo todo”, respondeu Alan. Dan também confirmou sentir falta do mundo exterior. “Hoje e ontem, por exemplo, eu lembrei muito do meu brother. A gente ia passar o Carnaval junto”, revelou Alan.

Continua depois da publicidade

“Eu não queria ficar lembrando não, é ruim. Mas às vezes bate a saudade”, falou Hari. “O que eu mais tenho saudade é de ouvir a voz deles, mas eu tenho saudades”, contou Elana em seguida. Logo depois Dan fez sua colocação no assunto em questão.

Leia também: Paula afirma sobre Tiago: “Era nítido que ele tinha torcida”

“Para mim, a minha vida é isso aqui agora. Quando eu sair daqui vai ser tão louco voltar para a realidade. A impressão que eu tenho que isso nunca vai acabar”, disse o estudante carioca. Em seguida eles ficaram em silêncio por alguns segundos.

Danrley fica irritado com comentário de brothers: “Tem coisas que me estressam”

No começo da tarde desta quarta-feira (06), Danrley ficou estressado após alguém fazer um comentário sobre passar fome dentro do BBB19, e saiu reclamando. Mais cedo, o brother reclamou junto com Tereza sobre não terem comprado carne moída no mercado.

Na cozinha, enquanto Elana e Tereza cozinham, Danrley entrou reclamando: “Eu ouvi ali agora isso: ‘Ainda bem que alguém pegou pão, porque essa semana a gente passou fome’. Que isso gente? Passou fome? Tá maluco? Tem coisas que me estressam”.

Alan entrou no assunto e disparou: “A carne moída eu fiquei pensando, mas não falei nada porque eu estou no Tá com Nada. Não tenho que opinar, mas carne moída rende muito”. Elana concordou e Tereza explicou: “Carol disse que foi decidido ontem que não iria comprar. Mas eu não estava nessa reunião. Eu sou minoria, nem posso reclamar”.

Mais cedo, Tereza já havia reclamado de Carolina após descobrirem que a carne custava 100 estalecas e ela pedir para que não comprassem. “Como eu pensei que seria minoria, fiquei calada. Mas, eu acho um absurdo não comprarem carne moída”, disse a pernambucana na ocasião.

+ ACOMPANHE TUDO SOBRE O BIG BROTHER BRASIL 19

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade