Carolina se explica após votar em Tereza: “É um jeito harmônico de jogar”

Publicidade

Carolina e Tereza tiveram uma DR na tarde desta terça-feira (05) no quarto ouro na casa do BBB19. A baiana iniciou a conversa se explicando à Tereza motivo de ter votado nela na formação de paredão no domingo (03). A pernambucana se mostrou surpresa com o voto da sister.

Confira: Danrley brinca: “O público tá assim, só esperando Danrley ir para o paredão”

“Quando a gente vota em uma pessoa, não é que a gente não gosta, que a gente queira fora. A gente escolheu um jeito de jogar harmônico. A gente sabe que ia se votar, mesmo votando em uma pessoa, a gente pode conviver bem, sendo ouvinte”, iniciou Carol.

Continua depois da publicidade

“A gente se gosta, a gente se empolga. A gente troca muito, até mais do que muita gente aqui dentro. Naquele momento, não tô querendo falar o meu jogo aqui. Mas naquele momento as minhas opções no domingo estavam todas presas. E tem a questão do jogo que a gente veio aqui para jogar. Eu consegui fazer com que eu não fosse para o Paredão. É uma coisa que enquanto eu puder fazer, eu vou fazer”, explicou.

Leia também: Brothers tem dificuldades para acordar com o toque de despertar

E continuou: “E acho que a gente não tem que mudar o nosso jeito uma com a outra. Vou te dar um exemplo, no domingo, uma pessoa que eu gosto muito votou em mim. Eu não quero jamais que essa pessoa venha me pedir desculpa. Eu sei que não fiz nada para aquela pessoa”.

“Uma coisa é você ficar sentida naquele momento. Mas ficar muito pirada, ou levar aquilo para você, eu não acho legal. Chegou a fase do jogo que a gente vai ter que se votar'”, se explicou Carolina. Tereza rebateu os comentários da sister.

Rebate

“Lhe acho uma pessoa forte. Lhe achava uma pessoa forte até domingo e eu disse isso na primeira semana do jogo. Eu não tive medo de ir para o Paredão, você não. Eu te achava forte até outro dia, agora não. Você tem muito medo de ir para o Paredão”.

+ ACOMPANHE TUDO SOBRE O BIG BROTHER BRASIL 19

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade