Último capítulo de O Rico e Lázaro bate recorde e alcança 2,8 milhões de espectadores nos Estados Unidos

Publicado há 2 anos
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A novela O Rico e Lázaro, exibida pela Univision, nos Estados Unidos, termina com grande sucesso de audiência.

A história deixou para trás a concorrente José José, da Telemundo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia: Univision usa O Rico e Lázaro e La Piloto para barrar o sucesso de O Senhor dos Céus

Com base na parábola bíblica do mesmo nome, a trama chegou ao fim com um recorde nesta quarta-feira, dia 10/10.

Quando 2,8 milhões de telespectadores estavam sintonizados no canal.

Leia: O Rico e Lázaro segue como a novela mais vista nos Estados Unidos e ultrapassa fenômenos mexicanos

O resultado emocionante também teve a média de 1,9 milhões de visitantes totais.

E ultrapassou a concorrente Telemundo e também a The CW entre adultos na faixa etária de 18-34 no horário das 18h.

O Rico e Lázaro” alcançou o dobro de telespectadores registrados na estreia do “All American”, série do canal The CW.

E também a programação do horário nobre da Telemundo, que incluiu ” Exatlón Estados Unidos “,” Falsa Identidad “e” El Recluso “.

A novela da Record TV representa mais um sucesso histórico no gênero.

Depois de “José do Egito”, “Moisés e os Dez Mandamentos” e “A Terra Prometida”, entre outros.

O próximo lançamento da Univision será “Jesus”.

Média de O Rico e Lázaro

Durante seus 181 capítulos, “O Rico e Lázaro” produziu uma audiência média de 1,7 milhões de espectadores entre adultos com idades de 18 a 49 anos e também 266 mil com idades de 18 a 34 anos. A série épica de sucesso colocou a Univision em primeiro lugar entre as redes de língua espanhola na faixa das 20h, de segunda a sexta-feira.

O Rico e Lázaro é exibida em mais de 14 países – Bolívia, Panamá, México, República Dominicana, Peru, Paraguai, Estados Unidos, Chile, Uruguai, Portugal, Porto Rico, Moçambique, Japão e Equador.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio