Reprise de O Rico e Lázaro alcança a pior média de audiência em cinco anos

Reprise da trama de Paula Richard derrubou um ponto em relação à antecessora Jezabel

Publicado há 4 meses
Por Arthur Pazin
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A reprise de O Rico e Lázaro, exibida pela Record TV de agosto de 2019 até a última segunda-feira (13) alcançou a pior média de audiência para a segunda faixa de novelas da emissora (21h30) desde 2015, com Vitória, que marcou apenas 5,87 pontos de média geral.

Da estreia, em 13/8, até o encerramento exibido ontem, o folhetim de Paula Richard cravou a média de 6,5 pontos na capital paulista, quase 1 ponto a menos que a trama antecessora, a inédita Jezabel, de Cristianne Fridman.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A maior média de audiência conquistada por um capítulo na reprise foi 10 pontos, no dia 4/12, quando Evil-Merodaque (Kaiky Brito) descobre a cumplicidade entre Sammu-Ramat (Christine Fernandes) e Beroso (Cássio Scapin).

Tramas antecessoras ficaram acima no Ibope

Antes de Jezabel, todas as novelas (ou minisséries) bíblicas inéditas exibidas no horário registraram uma audiência superior à reprise da trama de Asher (Dudu Azevedo) e Joana (Milena Toscano). Confira as médias anteriores na faixa segundo o Ibope:

Jesus: 9,9 pontos

Lia: 9,3 pontos

Apocalipse: 8,04 pontos

O Rico e Lázaro (primeira exibição): 10,06 pontos

A Terra Prometida: 14,5 pontos

Os Dez Mandamentos: 16,3 pontos

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais