Novelas mexicanas superam audiência do Casos de Família na Grande São Paulo

Publicado há um ano
Por Greicehelen Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apresentado por Christina Rocha, o Casos de Família vem sendo superado pelas novelas mexicanas na grade vespertina do SBT. Na última segunda-feira (03), o formato registrou menos audiência do que A Que Não podia Amar e A Dona na Grande São Paulo.

Exibido na faixa das 16h17 às 17h25, o programa marcou média de 6,6 pontos de média, share de 12,5% e pico de 7,5 pontos. Os números colocaram o Casos de Família na vice-liderança, mas não foram suficientes para ultrapassar o desempenho das produções internacionais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entrando no ar logo após a
atração de conflitos interpessoais, A Que Não Podia Amar coletou 7,1
pontos de média. Já a segunda trama mexicana, protagonizada pela atriz Lucero,
atingiu 7 pontos.

Confira outras audiências do SBT
na segunda:

Primeiro
Impacto – 06h00 às 10h30

  • 5,7
    pontos de média, 19,7% de share e 7,2 pontos de pico.

As
Aventuras de Poliana – 20h56 às 21h54

  • 11,5
    pontos de média, 15,3% de share e 12,4 pontos de pico.

Cúmplices
de um Resgate – 21h54 às 22h30

  • 9,1
    pontos de média, 12,4% de share e 12,4 pontos de pico.

Programa
do Ratinho – 22h30 às 00h00 

  • 9,1
    pontos de média, 15,1% de share e 11 pontos de pico.

Conexão
Repórter – 00h00 à 01h06

  • 6,9
    pontos de média, 17,3% de share e 8,2 pontos de pico.

The
Noite – 01h06 às 02h03

  • 4,6
    pontos de média, 18,2% de share, 6,3 pontos de pico

Operação
Mesquita – 02h27 às 03h03

  • 3,1
    pontos de média, 16,6% de share e 3,2 pontos de pico.
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio