Jornal da Record consegue mais que o dobro de audiência em novo horário

Publicado há 9 meses
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde 2 de dezembro exibido mais cedo, a partir de 19h45, o Jornal da Record, apresentado por Adriana Araújo e Celso Freitas, teve crescimento de audiência no Painel Nacional de Televisão ( PNT) e em 13 praças. Em algumas delas a média mais que dobrou, segundo pesquisa que comparou o resultado do telejornal entre os dias 2 e 6 de dezembro com o resultado das quatro semanas anteriores (de 4 a 29 de novembro), ainda no horário de 21h35.

Além disso, segundo dados do Atlas de Cobertura da Record TV, medido pela Kantar Ibope Media, o Jornal da Record, incluindo as edições de sábado, entre 1 de janeiro e 9 de dezembro, atingiu 152.911 milhões em todo o Brasil.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em relação ao aumento de audiência com a adoção do novo horário, o maior salto, de 109%, foi verificado em Salvador, onde a audiência passou de 6,7 pontos de média para 13,9.

Porto Alegre registrou a segunda maior alta: 103%. Na capital gaúcha, a média, que era de 3,1 pontos, alcançou 6,3 pontos.

No interior paulista, Campinas, o número de telespectadores também mais que dobrou: no horário antigo, a média estava em 4,1 pontos e, com a alteração da grade, chegou a 8,9 pontos. Ou seja, 118% de aumento.

Em Goiânia chegou a 81% o crescimento: se marcou 6,5 pontos de média nas quatro semanas anteriores, obteve 11,8 na primeira semana da troca de horário.

No PNT, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, os aumentos ultrapassaram a casa dos 50%;

Na Grande São Paulo, onde a média era de 5,6 pontos, o crescimento foi de 58%, passando a ter média de 8,9 pontos.

Na capital mineira, a alta do Jornal da Record atingiu 57%, saltou de 5,8 pontos para 9,1.

No Rio de Janeiro, o índice foi de 51%, passando de 5,9 pontos para 8,9 pontos de média.

E, no PNT, a audiência subiu 55% ao atingir média de 8,5 pontos. Antes, a audiência era de 5,5 pontos.

O Jornal da Record viu sua audiência crescer em mais seis praças:

Em Fortaleza, acumulava média de 4,1 pontos. Com a mudança, consolidou 6,1, o que representa um resultado 48% maior que o do horário anterior.

Em Vitória, a alta atingiu 36%. Em números absolutos: passou de 6,7 para 9,1 pontos de média.

No Recife, o aumento foi de 38%, o telejornal marcava 4,8 pontos e conquistou  6,7 pontos.

Em Belém, o Jornal da Record registrou 8,4 pontos na nova grade, contra 6,6 da antiga. Ou seja, a audiência subiu 28%. 

Em Curitiba, o resultado da alteração também trouxe resultados positivos. A média saiu de 5,2 pontos e chegou a 6,6 pontos de média, o que significa uma alta de 27%.  

E, no Distrito Federal, onde a média estava em 7,4 pontos, o índice atingiu 8,3 pontos, ou seja, cresceu 12%.

O Jornal da Record ainda conquistou a vice-liderança no PNT, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Distrito Federal, Goiânia, Campinas, Belém e Vitória.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais