Entrevista de Jair Bolsonaro no Jornal da Record conquista 18 pontos no DF e 13 no PNT

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Jornal da Record exibiu na noite de ontem, 04/10, uma entrevista exclusiva com o candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro, conduzida pelo jornalista Eduardo Ribeiro. A faixa da entrevista, no ar das 22h05 às 22h32, registrou excelente audiência pelo país.

Assim como o Jornal da Record no horário completo, (21h51 às 23h05), que bateu recorde de audiência em São Paulo e no Rio de Janeiro. O telejornal é comandado por Adriana Araújo e Celso Freitas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira abaixo os números da entrevista e do Jornal da Record no País

No Painel Nacional de Televisão, a entrevista foi vice-líder isolada e registrou média foi de 13 pontos de média, contra 11 da terceira colocada.O Jornal da Record marcou 10 pontos e foi vice-líder. Em São Paulo, a entrevista marcou 14 pontos de média, pico de 14 pontos e share de 19%, consolidando o segundo lugar isolado. A terceira colocada registrou 11,9 pontos. O telejornal bateu recorde de audiência em 2018 com média de 11,1 pontos, pico de 14 pontos e share de 16%, consolidando o segundo lugar isolado. A terceira colocada marcou 10,8 pontos.

No Rio de Janeiro, na faixa da entrevista, marcou 13 pontos de média, 15 pontos de pico e share de 18%, conquistando a vice-liderança isolada com vantagem de 4 pontos. A terceira colocada marcou 9 pontos. O Jornal da Record bateu recorde do ano no Rio na média de audiência com 10 pontos, além de alcançar pico de 15 pontos e share de 15%, consolidando o segundo lugar isolado.  A terceira colocada marcou 9 pontos.

No Distrito Federal, a entrevista alcançou média de 18 pontos, contra 9 pontos da terceira colocada. Ou seja, a emissora abriu uma vantagem de 9 pontos nessa faixa.  Já o Jornal da Record marcou o dobro da média da concorrente ao atingir 14 pontos, audiência recorde em 2018, contra 7 pontos da terceira colocada.

Goiânia, Belo Horiozonte, Salvador, Belém, Curitiba e Campinas

Em Goiânia, a entrevista alcançou média de 14 pontos e foi vice-líder.  O telejornal registrou 11 pontos de média. Em Belo Horizonte, a entrevista conquistou 13 pontos de média e a vice-liderança isolada.   A concorrente marcou 12 pontos. O telejornal registrou 11 pontos de média e ficou em segundo lugar.  Em Salvador, a entrevista marcou 13 pontos de média, garantindo o segundo lugar. Já o Jornal da Record registrou 11 pontos de média.

Em Belém, a faixa da entrevista consolidou média de 13 pontos, contra 10 da concorrente, garantindo assim a vice-liderança isolada. O telejornal, por sua vez, foi vice-líder com 10 pontos. Em Recife, a entrevista registrou média de 11 pontos e conquistou a vice-liderança isolada. A terceira colocada marcou 9 pontos. O telejornal marcou 9 pontos e garantiu o segundo lugar absoluto. A concorrente ficou com 8 pontos.

Em Curitiba, a entrevista marcou 11 pontos de média e foi vice-líder isolada com três pontos a mais que a terceira colocada, que marcou 8 pontos. O Jornal da Record foi vice-líder com 8 pontos. Em Campinas, a entrevista deixou a Record na vice-liderança isolada com o dobro da média da terceira colocada. O placar foi de 10 pontos de média, contra 5 da concorrente.

Manaus e Florianópolis

O telejornal registrou 9 pontos de média conquistando o segundo lugar isolado com ampla vantagem. A terceira colocada marcou 5 pontos de média. Em Manaus, a entrevista registrou 10 pontos e foi vice-líder absoluta. A concorrente terceira colocada ficou com 8 pontos. O telejornal garantiu o segundo lugar isolado 9 pontos de média, contra 8 da terceira colocada..

Em Florianópolis, a entrevista conquistou 8 pontos de média e a vice-liderança isolada.   A concorrente marcou 6 pontos. O telejornal registrou 7 pontos de média e ficou em segundo lugar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio