Com prova mais caótica da temporada, Masterchef bate recorde de audiência

Baked Alaska tirou os competidores do eixo

Publicado em 25/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A oitava temporada do Masterchef Brasil com competidores amadores bateu recorde de audiência na noite de terça-feira (25). O programa comandado por Ana Paula Padrão conquistou sua melhor média do ano, cravando 2.8 pontos em São Paulo.

A competição gastronômica da Band marcou ainda 5,4% de participação e pico de 3,4 pontos. No episódio em questão, na primeira prova, o desafio era preparar um prato com feijão. Os melhores seguiram para o mezanino e os demais tiveram uma oportunidade de escapar da eliminação com uma prova de pressão, em que o desafio era preparar petiscos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Por fim, na temida prova de eliminação, os competidores encararam uma das receitas mais complexos da história do programa, o Baked Alaska, sobremesa que nasceu nos Estados Unidos, e que tem como base três preparos: bolo, sorvete no meio e merengue por fora.

O desafio resultou em um dos momentos mais caóticos já assistidos pelo público. As duas horas de prova não foram suficientes para que todos conseguissem chegar no ponto do sorvete, o que fez com que alguns dos bolos desmoronassem momentos antes da entrega. 

Apaixonada por confeitaria, Juliana A. teve o pior desempenho e foi quem deixou o Masterchef em sua segunda participação. Em 2020, ela esteve em um dos episódios. Bastante emocionada, ela coroou os jurados com um lindo discurso no episódio de terça-feira (24).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio