Com paralisação dos caminhoneiros, Record impõe derrota imponente ao É De Casa no Ibope

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Durante todo o dia deste sábado (26), a Record ficou o tempo todo ao vivo com a cobertura da paralisação dos caminhoneiros, que chegou ao seu sexto dia de protestos, mesmo com um possível acordo com o Governo.

A crise deixou as pessoas sem itens básicos e ligadas na TV. Com o número de ligados bem mais alto que o normal, a emissora foi a principal beneficiada e fez com que o canal impusesse uma derrota história no confronto com a Globo em alguns horários.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Galvão Bueno faz analogia estranha com cantora na final da Champions League e vira meme na web

Exibido de forma mais curta, das 9h às 10h, o É De Casa conseguiu apenas 6 pontos de audiência contra 5 pontos do SBT, que exibiu o Sábado Animado no horário, e ficou em terceiro lugar.

Já a Record, que liderou, fechou com 12 pontos de Ibope, com o Fala Brasil Especial, apresentado por Lidiane Shayuri e Roberta Piza. Por causa da demanda de jornalismo, o Jornal Hoje teve uma edição especial e começou por volta das 10h.

A Record continuou o dia todo com informação, e cancelou programas como o Cine Aventura – o único que ficou intacto foi o The Love School, às 12h, apresentado pela filha de Edir Macedo, Christiane Cardoso.

Mesmo assim, a audiência continuou em alta. Na tarde deste sábado, o canal chegou a picos de 17 pontos com a cobertura, mesmo disputando com a final da Champions League na Globo e na Band.

Veja também

Policial entra ao vivo no Cidade Alerta, mas chama programa da Record de Brasil Urgente

Os dados são prévios e podem sofrer alterações no consolidados divulgados na próxima segunda-feira (28). Os números são aferidos por um seleto grupo de telespectadores na Grande São Paulo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio