Amor Sem Igual supera Topíssima e Os Dez Mandamentos na média geral

Day Mesquita viveu a protagonista da trama

Publicado há uma hora
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após mais de um ano em cartaz – que incluiu uma interrupção de cinco meses por conta da pandemia -, Amor Sem Igual saiu de cena com um balanço positivo em audiência para a Record TV.

Encerrada ontem (segunda-feira, 18), a história de amor, fé e redenção entre Poderosa (Day Mesquita) e Miguel (Rafael Sardão) fechou média de 9,4 pontos em sua segunda parte, exibida desde outubro. Em seu primeiro intervalo, entre dezembro de 2019 e abril de 2020, ela acumulou audiência de 7,9. Ao todo, sua média geral é de 8,4 pontos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É mais do que conseguiram, na mesma faixa, a edição especial de Apocalipse (6,3) – escalada para cobrir a ‘quarentena’ de Amor Sem Igual – e a inédita Topíssima (8), antecessora ‘oficial’ da trama recém-conclusa.

A obra escrita por Cristianne Fridman também pode se gabar de ter superado os índices de Belaventura (5,8) e até da ruidosa reprise de Os Dez Mandamentos, cuja média total foi de 8,2 pontos. Fica atrás apenas de A Terra Prometida (9,9), A Escrava Isaura (10,3) e Escrava Mãe (10,8) no histórico de sua faixa de exibição.

Com informações do portal Notícias da TV.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio