A Escrava Isaura bate recorde do ano, fica minutos na liderança e deixa o SBT na pior

O folhetim voltou a conseguir mais que o dobro dos números do SBT

Publicado há um mês
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O capítulo de A Escrava Isaura desta terça-feira (23), ficou em segundo lugar isolado nas audiências de São Paulo e Rio de Janeiro. Em ambas as regiões, a trama, escrita por Tiago Santiago e com direção-geral de Herval Rossano, garantiu ampla vantagem sobre o SBT.

Exibido das 15h16 às 16h, o folhetim bateu recordes e ficou dois minutos isolado na liderança na Grande SP. A novela atingiu, na praça paulista, 8.6 pontos de média e 18% de share, cravando seu melhor desempenho de audiência em 2020.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O pico foi de 10 pontos. O canal de Silvio Santos obteve 4 pontos com o Triturando, ou seja, menos da metade do que foi conquistado pela Record TV. Neste mês, ainda, o folhetim cravou por outras cinco vezes o placar de 8×4 sobre a concorrente: foi assim no dia 2 (terça-feira), nos dias 10 e 11 (quarta e quinta) e nas segunda e quinta da última semana (15 e 18).

No Rio de Janeiro, pelo segundo dia consecutivo, a novela se manteve quatro pontos à frente da emissora em terceiro lugar com o mesmo placar de 9×5 pontos de média. O pico ficou em 9 pontos, e o share em 19%.

No histórico da praça carioca deste mês, vale o lembrete de que a novela registrou o placar de 9×4 (mais que o dobro da concorrente) nas últimas terça, quarta e sexta (16, 17 e 19). Já havia, ainda, cravado o dobro dos 4 pontos da terceira colocada no dia 5 (sexta) e no dia 18 (quinta).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais